terça-feira, 18 de novembro de 2008

Todo ser humano é besta


...alguns são incrivelmente bestas por períodos extremamente curtos, outros são suavemente bestas por tempo indeterminado. Muito embora sejam por vezes enfastiantes e freqüentemente tolos, são dois tipos comuns e de baixa periculosidade, não devendo, portanto, ser com eles despendida a nossa preocupação, e sim com os possíveis rebentos daí advindos. Pois, se acaso um espécime macho do primeiro tipo cruzar com uma fêmea do segundo tipo - ou vice-versa para ambos os casos - a humanidade corre sérios riscos de ter de aturar um ser híbrido, incrivelmente besta e por tempo indeterminado.

Em que pese o horror de simplesmente imaginar tal possibilidade, é meu dever adverti-los que, em verdade, existe outra ainda pior. O resultado desta cruza pode ser uma criatura que será suavemente besta por um curto período, para depois desembestar, deixando assim todo e qualquer tipo de besteira totalmente de lado para sempre.

Tais seres, porém, confinados em um mundo de eterna bestice, cedo ou tarde haverão de sentir-se muito solitários; obrigando-se então a passarem-se por simples seres humanos bestas, ao menos até encontrarem outros de sua mesma espécie para formarem alianças duradouras. É daí que surgem as verdadeiras e mundialmente reconhecidas "confrarias de metidos a besta"...


Paulo Eduardo de Freitas Maciel de Souza y Gonçalves

Postagem original

5 comentários:

AnaCrônica disse...

Até cair a ficha...demora, não é...aí já não há mais tempo.

muvilord disse...

legal!

Barbara disse...

talvez eu seja o caso 2, da besta por tempo indeterminado..

gostei do texto, sempre gosto.

Fernanda disse...

Suavemente profundo por tempo indeterminado. :-) Bem, há que se reconhecer que a besteira, dependendo do grau e momento, é não só saudável como vital. E que, por isso mesmo, não pode ser considerada besteira, que, conseqüentemente... onde é que eu estava mesmo?...

Beijos e sucesso!

Imcompreendida disse...

Xiiiiiiiii... agora fiquei na dúvida, que tipo de besta sou eu??? Não sei, só sei que besta eu sou... rsrrs