segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Ao passar das horas

É na passada das horas


que o tempo tudo desfaz


nos esvaímos embora


deixando algo pra trás.


Paulo Eduardo de Freitas Maciel de Souza y Gonçalves

Postagem original

18 comentários:

mary mary disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Miriã Soares disse...

...da uma tristeza, existem muitas coisas que não deveriam ser deixadas... vc expressou muito muito bem essa nostalgia...

Amisadai disse...

Nossa bem profundo

valeu
http://cabruncoo.blogspot.com/

Bobagem com Mouse disse...

De tão rapido que passamos pela vida,que acho que sempre deixamos algo pra tras,desde um simples momento,ate uma grande oportunidade...as opiniões se contradizem,mas as vezes penso o contrario!!!
Me visite quando puder:
http://oitentando.blogspot.com/

goldeplacaec disse...

pra falar verdade intendi nada =\

tambem nao sou bom pra interpretar as coisas nao =[
AIUSHDAIUH

mais o blog ta massa
vlw abraços

http://goldeplacaec.blogspot.com/

mary mary disse...

Ain meodeos
Acho que agora eu entendi porquê você diz cominta.

ana disse...

me lembrou os poemas de Leminski...curtos, mas intensos!

Paula disse...

é bem curto , mas profundo. Hoje o tempo passa muito rapido

Sarau disse...

A vida é efêmera! Não da pra perder tempo não!

Feliz Ano novo, abraços!

AnaCrônica disse...

Co-menti.

Feliz ano n'ovo.

Bora bebê.

Nana Nenê.

Aline Dias disse...

são sempre escolhas.

Daniel Moraes disse...

\o/
inspiração é alma do negócio o_o
legal o texto ;D

Carol°°°Paula disse...

o tempo nunca para e sempre deixamos algo de nossas vidas no passado...
gostei
bem emotivo o texo :p
BJU

Alice Daniel disse...

Seu Vício dá!

historiaspraboidormir disse...

vamos fazer a dobra do tempo!

blog disse...

E essas coisas leminskianas aí?
Mande ver!

Fernanda disse...

Gostei da quadra! Ótima! Um toquezinho sobre o blog: o fundo escuro e as letras brancas, vermelhas, deixam os olhos em petição de miséria... dá um pouquinho de dor de cabeça e a vista lacrimeja. Sugiro o design contrário: letra escura sobre fundo claro. É mais confortável para os leitores. Beijos e sucesso!

Leo Pinheiro disse...

TEMPO, TEMPO, TEMPO... NINGUÉM CONSEGUE ACORDAR CONTIGO!